A286 - O Mundo Mágico dos Anônimos [tekst, tłumaczenie i interpretacja piosenki]

Wykonawca: A286
Gatunek: Rap

Tekst piosenki

Sem glamour pra não confundir o príncipe e o sábio...
E as notas que fazem sorrir... não não... Só o necessário
Pra que a ilusão das rosas não enterrem o Reinaldo, que esqueceu dos espinhos e acreditou no abraço
Quantos, as grades à base da saudade doutrinou... Com a liberdade que sempre teve mas nunca deu valor
Aqui vi homem chorar, perdido, sem vaidade, irmão... Só pedindo força pra seguir e conforto pro coração
O baguio é louco memo e vários de alegre tão nas pista
Com as peças pesada em cima, sonhando em ser terrorista...
Que nem eu um dia com os parceiro das antigas, maquinando fita pra catar e lançar uns pano, ó as brisa... Matador de policia com os paiaço tatuado, mais conhecido que al capone pelos verme da tático. Aqui é mato, infelizmente em vários me vejo, é quente... Há 15 anos atrás, com o mesmo intuito na mente. No apetite pra catar os fuzil dentro do distrito, trazer o city do delegado pra nois tá no giro... Sei como é moleque, também viajei nos nike, sonhando com a mobilete, sem ter nem uma bike...
Complexo de inferioridade não é afrodisíaco pras fêmeas, os flash não vem dos livro vem dos artigo que ostenta...
Na carência de paz e pátria no epicentro do abandono, eis a filosofia no mundo mágico dos anônimos. Entre disparos e rezas só com o que nos resta, o odor das flores não trazem lembrança de festas... Onde a racionalidade que define o mal e o bem, é matar e se matar pelos plaquê de 100
E o que restou dos sonhos pras noites em claro, sem sono... Entender que o que compra a cama não paga o descanso
Não deixa os veneno do cárcere, as lágrimas mostrar
O verdadeiro sentido das nave, dos pano de marca...
Ela não vai se desfazer do tênis, do perfume preferido
Quando a bala do PM arranca seu sorriso...
Não tem preço o beijo, um abraço de um filho de manhã
Num barraco de pau, alagado ou na beira do córrego, foda-se...

No recanto das viúvas ouço o clamor dos órfãos...
Enquanto as rosas perfumam a cova dos nossos mortos...
Enquanto lágrimas apagam o que restou de você...
Faz entender que a saudade é pior que esquecer...

É tio... e com meus velhos tristes fatos vou. Tentando entender o sentido da vida, sentido da paixão, do amor...
O sentido divino do medo, dos traumas, de uma angústia esquecida...
A descrição das lágrimas no rosto de uma criança, sem justiça... Confuso entre oportunos, astutos, covardes, religião... Onde a revolução pode até ser um crime
Mas o crime não é revolução, não...
Conheço a dor de enterrar um irmão... De morrer de desânimo. O mundo também me ensinou a não acreditar nos meus sonhos!

E outra vez as brisa não saúdam conquistas, não...
Neutraliza saudades pra tentar superar depressão
E do velho point onde nois tanto riu na zueira...
Só restou lembrança das ideias e poeiras
Porra, lembra da banca que batia ponto na quadra?
Quem não tá morto, tá preso ou foragido da quebrada...
Mudam as formas, geração, as arma, mas não a expressão cansada de quem ficou pra contar a história familiar frustrada...
Por que não foi suficiente a cicatriz das bala, os dias imóvel de fralda, debilitado na maca, com os gambé da escolta torcendo pra morrer... Os oito de ponta e só a coroa visitando você
Não casou e deram netos como ela sonhou, mas fez chorar se perguntando "onde eu errei, senhor?"
Com o quarto ainda do mesmo jeito que ele deixou, pra tentar manter viva a presença já que nunca mais voltou, mano, seu abraço é tudo que ela quer... Sem Lacoste, Oakley na cara, mizuno dos novo no pé...
Poder te esperar com mulher e filho no domingo, a ligação que tranquiliza “as crianças tão dormindo"
E quando chega a hora do caixão descer sem vida, que a fisionomia descreva 'paz, missão cumprida...' truta...
Se o sol te deu outro dia, faz diferente...
Antes que só restem flores pra dar de presente!

No recanto das viúvas ouço o clamor dos órfãos...
Enquanto as rosas perfumam a cova dos nossos mortos...
Enquanto lágrimas apagam o que restou de você...
Faz entender que a saudade é pior que esquecer...

Tłumaczenie piosenki

Nikt nie dodał jeszcze tłumaczenia do tej piosenki. Bądź pierwszy!
Jeśli znasz język na tyle, aby móc swobodnie przetłumaczyć ten tekst, zrób to i dołóż swoją cegiełkę do opisu tej piosenki. Po sprawdzeniu tłumaczenia przez naszych redaktorów, dodamy je jako oficjalne tłumaczenie utworu!

+ Dodaj tłumaczenie

Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść tłumaczenia musi być wypełniona.
Dziękujemy za wysłanie tłumaczenia.
Nasi najlepsi redaktorzy przejrzą jego treść, gdy tylko będzie to możliwe. Status swojego tłumaczenia możesz obserwować na stronie swojego profilu.

Interpretacja piosenki

Dziękujemy za wysłanie interpretacji
Nasi najlepsi redaktorzy przejrzą jej treść, gdy tylko będzie to możliwe.
Status swojej interpretacji możesz obserwować na stronie swojego profilu.
Dodaj interpretację
Jeśli wiesz o czym śpiewa wykonawca, potrafisz czytać "między wierszami" i znasz historię tego utworu, możesz dodać interpretację tekstu. Po sprawdzeniu przez naszych redaktorów, dodamy ją jako oficjalną interpretację utworu!

Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść interpretacji musi być wypełniona.

Lub dodaj całkowicie nową interpretację - dodaj interpretację
Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść poprawki musi być wypełniona. Dziękujemy za wysłanie poprawki.
Najpopularniejsze od A286
Recomeço
232
{{ like_int }}
Recomeço
A286
Morrendo Sozinho
195
{{ like_int }}
Morrendo Sozinho
A286
A Crônica do Nada
194
{{ like_int }}
A Crônica do Nada
A286
Prepara as Algemas
176
{{ like_int }}
Prepara as Algemas
A286
O Crepúsculo da Existência
175
{{ like_int }}
O Crepúsculo da Existência
A286
Komentarze
Polecane przez Groove
Żar
629
{{ like_int }}
Żar
PRO8L3M
Chemtrails Over the Country Club
3,7k
{{ like_int }}
Chemtrails Over the Country Club
Lana Del Rey
drivers license
8k
{{ like_int }}
drivers license
Olivia Rodrigo
The Bandit
163
{{ like_int }}
The Bandit
Kings Of Leon
ALE JAZZ!
379
{{ like_int }}
ALE JAZZ!
Sanah
Popularne teksty
Siedem
12,8k
{{ like_int }}
Siedem
Team X 2
34+35
15,1k
{{ like_int }}
Love Not War (The Tampa Beat)
4,7k
{{ like_int }}
Love Not War (The Tampa Beat)
Jason Derulo
SEKSOHOLIK
26,2k
{{ like_int }}
SEKSOHOLIK
Żabson
Snowman
8,3k
{{ like_int }}
Snowman
Sia