Primeira Mente - Foi um Dois [tekst, tłumaczenie i interpretacja piosenki]

Wykonawca: Primeira Mente
Album: A Um Passo do Precipício
Data wydania: 2014-12-20
Gatunek: Rap
Producent: Antraz

Tekst piosenki

[Verso 1: Thales]
Sociedade que quer lutar por direitos humanos
Mas usa a marca que escraviza humano pra costurar uns pano
Leva a entender, não
Se surpreender, não
Na falta de argumento, mando o mundo se foder
Protege os beagle na internet mas come churrasco aos domingos
Ama quem tá perto mas na primeira oportunidade ignora o mendigo
Juro que tento e não consigo separar o joio do trigo
Mas pra ver que no final trigo oferece mais perigo
Ocultismo prova que esse mundo é mágico
É, Drummond seria cômico, se não fosse trágico
Falar de ostentação pra mudar de assunto
Mas esquece que para cada Mizuno comprado
Maluco enterraram um defunto, ó
Por isso a paz e a utopia já secaram a toda da fonte
Teto de vidro irmão, agradece que seu teto não é uma ponte
Isso aqui é regressão se revolução for por ganância
Põe na balança, o destino assassina a esperança
Num país onde se compra bala no lugar de giz
Onde as bomba fala o que eu sempre quis dizer
Pra esses filhos de uma pátria, filhos de uma puta
Devolve o Brasil pros índio e depois pede desculpa

[Verso 2: Leal]
E eu ouço berro vários gritos pelos becos
Fruto de o mal plantado em solo de corações secos
E sempre me ferro se acredito que não perco
Se não deixo o ego de lado e questiono a mim mesmo
É melhor mudar e afrontar os medos
Servir de exemplo uma vez e parar de apontar o dedo, Jão
Quem mente também se ilude, então
Não seja belo nas palavras e podre nas atitudes
Igual quem governa essa terra parada que nunca dá nada pra nós
Promessas a beça, solo infértil, povo sem voz
Asfalta mas falta árvore um pouco e nós não respira
E os culpados ocultos em meio a tanta mentira
Ó, latiram os cães de guarda
Tá na sua hora de atirar e tirar sorriso de senhoras
Que antes sorriam com o filho e agora chora
Porque esqueceu de avisar que o mundo é cruel lá fora
E o ser humano caminhando pro fracasso
É fácil de fazer guerra e impossível de dar um abraço
E o que eu queria não é quase nada
Que toda infância fosse feliz
As crianças não são culpadas
E eu confesso, já fui de ignorar e não perdoar
Até ver que não consigo nada sem me esforçar
Aprender meu aprendizado
Justiça não é achar culpado
E assim corrigir o erro sem ter erros pra somar

[Refrão]
Porque foi um dois, relógio parou
Mais horas passou
Tempo ficou e tu se perdeu
O homem cresceu e seu ego fez com que
Seu habitat aguentasse tudo isso
Porque foi um dois, relógio parou
Mais horas passou
Tempo ficou e tu se perdeu
O homem cresceu e seu ego fez com que
Seu habitat sofresse com tudo isso

[Ponte: Gali](2x)
Um trago da vida, um gole da morte
Pra sobreviver aqui cê tem que ser forte

[Verso 3: Gali]
Como será que seria
Se a ironia e covardia da raça humana e da policia não existisse?
Imagina só como vai ser e como seria
Se a semente da malícia não tivesse nem brotado no solo sagrado
Trabalhador oprimido vivendo pra manter o luxo do chefe de Estado
Eu quero olhar pra longe não ver prédio vindo do tédio
Além do horizonte Deus tá o dom de ver alegria nos pequenos atos
Aprendemos com o tempo que passa raças se mata solta nas favelas
Tempos modernos demônios de terno
Sistema procria injustiça e prospera miséria
E moram sequelas, só não enxerga quem não quer ver
A noite é macabra, são corpos
E os robocops tão por aí querendo agir
Acima da lei divina ninguém fica
É, um trago da vida e um gole da morte
Pra sobreviver aqui, cê tem que ser forte

[Verso 4: Raillow]
Noites viradas e eu não entendendo nada
Minha visão quebrada, isso é tudo que eles queria
E o sangue ferve enquanto a madruga esfria
Esse é o rap e seu cenário
(Copos cheios, corpos nus e mentes vazias)
Capitais pras capitais, tormento em hospitais
Povo sofrendo com o aumento dessas multinacionais
E há tempos que investimentos vendo não tá tendo mais
Mentiram em nossa mira em propagandas eleitorais
É entupido cimento e o desenvolvimento de mil arsenais
Sociedade com dores causadas pelos novos senhores feudais
Essas regras é irritamento, irrita memo
E eu enriquecendo pra foder autoridades nacionais
Ai, vai que aqui é facção mental
Sobe o morro e avisa o dono que moiou geral
Se for ver, se foder virou normal
E um mundo que o ser humano te acusa de tudo, sem ter moral

[Verso 4: U.Z.I.]
É a era medieval em plena era digital
Animal que persegue o igual movido a motivo individual
Egocentrismo com isso com forma literal
Concorre falência com desavença acaba no Click e tchau
Mídia manipula massa consumista burra consome a moda
Posturas viram montanha russa mas
Como o erro não tá só na Copa
Boca aberta proíbe a erva alega não existe pra droga
Pra perna pra quem nem sabe
Que Brasil é com S motherfuckers
Ei você, sim você, me explica, não consigo entender
Como vencer se ninguém ganha quando alguém tenta perder
Porque eu não sei, juro não sei então sua consciência pesa
Uma voz sussurra ao pé do ouvido como se fosse uma reza
Aqui a maioria hoje em dia tá tipo mulher de Jó
Só reclama, não ajuda, suga e vaza quando cê tá na pior
Mas hoje entendemos que não evoluiremos se não aprendemos o que é o amor, ninguém vai precisar inventar Onde é foda
O futuro não será que igual o do Exterminador
E eu vim pra ser Luther King mas por aqui só aumenta o score
Poderoso até riu, metralham o menor na quebra dando fuga dos corpos
Paredes aqui tem ouvidos mas não pra escutar os gritos
Dos 5 que foram abordados e depois disso, hoje estão desaparecidos

[Refrão]

Tłumaczenie piosenki

Nikt nie dodał jeszcze tłumaczenia do tej piosenki. Bądź pierwszy!
Jeśli znasz język na tyle, aby móc swobodnie przetłumaczyć ten tekst, zrób to i dołóż swoją cegiełkę do opisu tej piosenki. Po sprawdzeniu tłumaczenia przez naszych redaktorów, dodamy je jako oficjalne tłumaczenie utworu!

+ Dodaj tłumaczenie

Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść tłumaczenia musi być wypełniona.
Dziękujemy za wysłanie tłumaczenia.
Nasi najlepsi redaktorzy przejrzą jego treść, gdy tylko będzie to możliwe. Status swojego tłumaczenia możesz obserwować na stronie swojego profilu.

Interpretacja piosenki

Dziękujemy za wysłanie interpretacji
Nasi najlepsi redaktorzy przejrzą jej treść, gdy tylko będzie to możliwe.
Status swojej interpretacji możesz obserwować na stronie swojego profilu.
Dodaj interpretację
Jeśli wiesz o czym śpiewa wykonawca, potrafisz czytać "między wierszami" i znasz historię tego utworu, możesz dodać interpretację tekstu. Po sprawdzeniu przez naszych redaktorów, dodamy ją jako oficjalną interpretację utworu!

Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść interpretacji musi być wypełniona.

Lub dodaj całkowicie nową interpretację - dodaj interpretację
Wyślij Niestety coś poszło nie tak, spróbuj później. Treść poprawki musi być wypełniona. Dziękujemy za wysłanie poprawki.
Najpopularniejsze od Primeira Mente
Insanidade
63
{{ like_int }}
Insanidade
Primeira Mente
Então me diz
61
{{ like_int }}
Então me diz
Primeira Mente
O Fardo
54
{{ like_int }}
O Fardo
Primeira Mente
Sem Direção
50
{{ like_int }}
Sem Direção
Primeira Mente
Como Ela É
49
{{ like_int }}
Como Ela É
Primeira Mente
Polecane przez Groove
Boyfriend
4,1k
{{ like_int }}
One Of Us
101
{{ like_int }}
One Of Us
Liam Gallagher
Fear Inoculum
608
{{ like_int }}
Fear Inoculum
Tool
Planets
717
{{ like_int }}
Slide Away
1,4k
{{ like_int }}
Slide Away
Miley Cyrus
Popularne teksty
Pola
28,9k
{{ like_int }}
Slide Away
1,4k
{{ like_int }}
Slide Away
Miley Cyrus
Ona by tak chciała
1,1k
{{ like_int }}
Ona by tak chciała
Ronnie Ferrari
Shallow
56,7k
{{ like_int }}
Shallow
Lady Gaga
W PIĄTKI LEŻĘ W WANNIE
2,5k
{{ like_int }}
W PIĄTKI LEŻĘ W WANNIE
Taco Hemingway